Obstáculos de um blogueiro - Preparo psicológico

Aviso importante!

Eu sei que você não quer ver propagandas, porém o conteúdo gratuito só está aqui graças a publicidade. Considere desativar o AdBlock para esse site.

Olá blogueiros e aspirantes, tudo bem com vocês?

Esse é nosso segundo artigo sobre os obstáculos enfrentados por um blogueiro, e hoje vou falar um pouco sobre o preparo psicológico e porque ele é tão importante para ter sucesso no fantástico mundo dos blogs. Como vocês sabem (ou deveriam saber) a mente humana é capaz de coisas incríveis e surpreendentes, como, por exemplo, fazer uma pessoa adoecer ou então se curar de uma doença.

Você já reparou que quando estamos "meio pra baixo" só acontecem coisas ruins na nossa vida, mas por outro lado, quando estamos felizes e motivados uma onda de bons acontecimentos começa a nos rodear? Pode ter certeza que isso não acontece por acaso, e a culpa disso tudo é da nossa mente, do nosso psicológico.

Falando bem a verdade, coisas boas e ruins acontecem a todo instante ao nosso redor, mas nós apenas conseguimos ver aquilo que mais reflete nossa situação naquele momento, logo, se estamos tristes a tendência é prestarmos mais atenção às coisas ruins e quando estamos felizes acontece o inverso.

obstaculos blogueiro

A vontade incontrolável de desistir

Por mais estranho que isso possa parecer, ela existe e cedo ou tarde irá aparecer pra você também. Não há como prever quando isso vai ocorrer, talvez demore anos ou apenas alguns meses, mas um dia você vai ficar muito desanimado com algum acontecimento e vai colocar em cheque tudo que planejou e executou até aquele momento.

Infelizmente o ser humano é um poço de negativismo, não adianta relutar, somos todos assim

O RBtech acabou de completar 6 (seis) anos, e durante essa curta existência, muitas vezes eu pensei que não valeria a pena continuar com tudo. Mas é justamente quando essa vontade de "chutar o pau da barraca" aparece que uma luz de alerta deve se acender pra nós, pois está na hora de mudar alguma coisa, seja em você ou no seu blog.

Esse alerta indica que você está trabalhando demais ou dando mais importância e prioridade para coisas que não merecem tanta atenção. Tire uma semana para descansar, faça uma viagem, leia um livro diferente e que não fale sobre sua área de atuação ou então simplesmente fique longe do seu computador por alguns dias.

Quando você voltar tudo será diferente, pode confiar!

Aprenda aceitar críticas

Mas antes de tudo é preciso aprender de quem você deve aceitar críticas, afinal não são todos que realmente fazem uma crítica pensando em melhorar seu trabalho ao invés de tentar te destruir. É preciso saber identificar um leitor de um hater para então saber de onde é possível tirar algo útil e o que é preciso ignorar.

Pra quem não sabe, segue a definição de hater:

Indivíduo pertencente a família dos FDP que veio ao mundo para invejar e desdenhar o trabalho alheio. Por não ser capaz de fazer algo útil, tenta a todo custo destruir qualquer projeto que esteja disponível ao público atacando seus autores com críticas constantes e incabíveis na maioria das vezes.

Não importa se o seu blog é grande ou pequeno, sempre vai ter aqueles que irão negativar seu trabalho indiferente do que você faça. É difícil, mas você precisa ignorar esse tipo de pessoa, caso contrário eles conseguirão o que mais desejam: fazer você desistir.

Mas deixando os haters de lado, tente ouvir o que seus leitores dizem sobre você, sobre seu blog e seu conteúdo. As melhores lições que eu já tive sobre blogs vieram do meu público, portanto, dê ouvidos para aqueles que enxergam seu blog de maneira incondicional e sem influencias internas. Ah, lembrei que eu até já falei sobre isso em um artigo, leia-o se julgar relevante.

Autocontrole é essencial

Não importa se você estiver passando por uma crise financeira ou criativa, manter o controle e acima de tudo a autoconfiança é fundamental para permanecer firme à frente do seu blog. É você quem define os rumos que seu blog deve seguir, portanto esteja sempre calmo e otimista em relação aos negócios, lembre-se que pensamentos negativos atraem coisas ruins.

Eu sei que as vezes dá vontade de esbofetear o monitor ou chutar o gabinete até não sobrar nada, mas pense, eles não tem culpa de nada. Quando perceber que a situação está fugindo do controle, encontre uma maneira de gastar sua energia de forma saudável, fazendo um exercício físico por exemplo.

Dicas para encerrar

Pra concluir o artigo de hoje, quero apenas deixar algumas dicas que podem ajudar:

  1. Leia livros com histórias motivadoras e inspiradoras.
  2. Ande ao ar livre, nem que seja apenas alguns minutos por dia.
  3. Pratique algum esporte ou faça exercícios regularmente.
  4. Procure um passatempo para os momentos de tensão.
  5. Ouça quem está de fora, eles enxergam melhor nossos problemas.

Mais posts desta série

Este post faz parte de uma série, confira tudo que já foi publicado sobre o mesmo assunto.

Sobre o autor

Ricardo Bernardi

Sou técnico em hardware e desenvolvedor web, e sobre estes dois assuntos comecei a compartilhar aulas e artigos, tornando-me blogueiro em 2008. Em 2010 esse hobby virou profissão, e desde então tenho buscado melhorar e profissionalizar cada vez mais os projetos que mantenho na web.

Comentários

Atualmente temos 2 comentários para este post. Participe você também, clique aqui e comente sobre o assunto.

  • Maiicon Cruz comentou em

    Nossa sem palavras, mentira tenho palavras sim, sensacional eu não acredito que eu não tinha achado o seu blog antes, divino expirador, continue sempre assim valeu ; )

    Responder

Deixe seu comentário